Fc Noticias » Universo Feminino » Dores ao urinar pode ser gravidez

Dores ao urinar pode ser gravidez

Entenda no artigo porque surge sintomas de dor ao urinar e quais são as medidas que devem ser tomadas diante esse problema.

     

Em algum momento da vida, algumas pessoa relatam sentir dores ao urinar, esse incômodo é apresentado em grande maioria pelas mulheres, devido anatomia de seu sistema urinário. A dor no momento da micção pode ser sintoma de infecção urinária, uma doença bastante comum que também acomete homens e crianças. Embora de maneira corriqueira, a infecção precisa ser tratada corretamente, para prevenir outros outros problemas.

Na infecção urinária ainda se apresentam outros sintomas como aumento de micção, urgência em urinar, dor no abdômen, dor nas costas, arrepios, febre ou vômito. Nestes casos é de suma importância procurar o mais rápido possível por um médico, pois pode haver grave problema renal. Através de um simples exame de urina, pode-se obter o melhor diagnóstico sobre a infecção urinária, e somente assim se indica o tratamento, adequado.

Em geral utilizam-se antibióticos. Essas dores ao urinar podem ter outras causas, como DST’s, inflamações de uretra, da bexiga, da próstata e até mesmo a presença de lesões em um desses órgãos internos, do útero e etc. Portanto é preciso ficar atento aos tipos de dores, que se intercalam entre queimação, ardência, pontadas, dor na bexiga, dor na uretra e sensação de peso ao urinar.

Mulheres gestantes também podem apresentar esse problema, uma vez que seu organismo está mais frágil devido a gravidez, e assim fica mais suscetível em adquirir uma infecção urinária causada por bactérias da flora intestinal. A maioria destas infecções ocorrem no primeiro trimestre da gravidez e precisa ser tratada corretamente, pois a doença aumenta a probabilidade de surgirem outras situações doentias, algo muito arriscado que pode causar a mortalidade materno infantil.

Portanto, sentir dores ao urinar não caracteriza sintoma de gravidez, mas pode apontar um problema no sistema urinário. Nos casos de ter realizado relação íntima sem qualquer tipo de proteção, o mais indicado é realizar os exames que comprovem essa situação, e se possível procurar orientação médica afim de esclarecer maiores dúvidas, sobre as possibilidades de infecção e também sobre a gravidez.

Textos Relacionados:


Quer comentar ?