Fc Noticias » Estudos » De onde vem os raios

De onde vem os raios

Os raios são um dos mistérios da natureza para o mundo cientifico, nem mesmo com nossa tecnologia atual conseguimos explicar totalmente os raios, veja algumas informações muito interessantes sobre este fenômeno da natureza.

     

Os raios são um dos maiores fenômenos da natureza, desde o principio tem sido alvo de grande fascínio entre os homens, tanto que o raio era chamado de um sinal de Zeus, o maior dos deuses da antiga Grécia, e em outras grandes civilizações o raio sempre foi comparado ao poder de um Deus ou de um ser muito poderoso.

Explicação

Nem mesmo hoje os cientistas conseguem explicar claramente como funcionam os raios e como são criadas essas descargas elétricas  mas algumas conclusões podem ser comprovadas sobre este fenômeno, primeiramente um raio é uma descarga puramente elétrica, isso foi comprovado por vários cientistas, entre eles o ilustre Benjamin Franklin, esse descargas na grande maioria das vezes são de cargas negativas, mas também podem ser positivas.

raio

Ocorre que a energia gerada dentro da nuvem se acumula e é atraído por um campo positivo no solo, como a carga negativa e atraída por uma carga positiva esse encontro acaba gerando uma descarga elétrica conhecida como raio, os raios podem atingir uma velocidade de 120 000 km/h e podem possuir cargas de até 300 000 ampères, o que daria mais ou menos um bilhão de volts.

Ainda não se sabe bem como essas cargas se acumulam dentro das nuvem, uma das teorias e que o vento frio que sobe por elas que chagam até a -25º formam pequenos cristais de gelos, quase como gotículas, essas gotículas dividem a sua carga, pois as menores são positivas e as maiores negativas, o choquem entre essas gotículas causado pelas positivas que sobem e pelas negativas que descem acaba gerando acumulação de carga na nuvem.

raio

Cargas

Os raios podem ser negativos e positivos, os raios comuns que você consegue ver descendo do céu e são os que geralmente atingem a terra são os raios negativos, mas também existem os raios positivos mesmo que em geral sejam muito raros, cerca de 5% apenas em relação ao outros raios, esse raios são muito mais poderosos mas quase nunca atingem a terra, eles se propagam entre as nuvens e podem chegar a percorrer 16 km de extensão, o maior risco seria desses raios atingirem um avião.

 Nomes

Muitas pessoas acabam confundindo os nomes de ações que são geradas neste fenômeno, mas as definições são bem simples, o som gerado pelas descargas que é produzido pelo aquecimento do tubo central do raio e chamado de trovão, a descarga elétrica em si que vemos descendo é chamada de raio, e a luz que acompanha todos os raios são chamadas de relâmpagos, mas os relâmpagos também são o nome dados as descargas que ficam apenas nas nuvens e não descem.

Como se proteger dos raios

As pessoas costumam dizer que lugares altos como arvores por exemplo costumam atrair raios pelo fato de estarem mais próximos do céu, isso é um lenda, pois os raios são atraídos por cargas positivas, claramente se houver uma carga positiva mais alta em comparação a outro o raio vai dar preferencia a mais próxima, mas mesmo em locais que contenham muitas arvores por exemplo o raio pode simplesmente atingir o solo, para se proteger não há muitas maneiras.

O mais certo a se fazer e instalar para-raios em prédios que irão direcionar o raio, caso você esteja no campo, procure se abrigar em seu carro, pois por mais que ele seja atingido os pneus irão para as descarga, também procure ficar longe de estruturas metálicas que comumente estão cheias de cargas elétricas, apesar de parece muito mortal, os índices de morte por raios ainda são baixos em comparação a outros.

Textos Relacionados:


Quer comentar ?