Fc Noticias » Estudos » Animais de sangue quente metabolismo

Animais de sangue quente metabolismo

Acompanhe neste artigo e compreenda como funciona a estrutura corporal dos animais endotérmicos, isto é, espécies que conseguem controlar a temperatura corporal.

     

Os animais de sangue quente ou endotérmicos, como são denominados cientificamente, correspondem as espécies que conseguem manter a  temperatura corporal elevada, procedimento que acontece devido as altas taxas metabólicas que são geradas pela intensa combustão dos alimentos energéticos encontrados dentro das células.

Homeotermia é o nome científico dado para essa ação que só consegue ser efetuada por aves e mamíferos. É importante ressaltar que o padrão endotérmico, só consegue ser realizado através da homeostase térmica, que é conquistada através do controle das taxas metabólicas do organismo.

Os principais mecanismos utilizados para regular a temperatura corporal são:

  • Tremores;
  • Ruborização;
  • Palidez;
  • Suor;
  • Ofegância;

Com essas conceituações, é possível afirmar que um animal de sangue quente (endotérmico) consegue manter a temperatura corporal constante aos níveis distintos do ambiente em que se encontra. Ao observar essa análise, conclui-se que todo esse processo pode acarretar não somente a geração de calor, mas a habilidade de abaixar a temperatura quando necessário.

Exemplos de animais endotérmicos

Animais endotérmicos

Cavalo.
(Foto:Reprodução)

Animais endotérmicos

Coruja.
(Foto:Reprodução)

Animais endotérmicos

Elefantes.
(Foto:Reprodução)

Animais endotérmicos

Tigre.
(Foto:Reprodução)

Animais endotérmicos

Tucano.
(Foto:Reprodução)

Curiosidade

Segundo várias pesquisas, a principal desvantagem de ser um animal endotérmico é que se faz imprescindível o consumo constante de alimentos.

Textos Relacionados:


Quer comentar ?