Fc Noticias » Novidades » Como controlar os gastos do cartão de crédito

Como controlar os gastos do cartão de crédito

Os cartões de crédito proporcionam inúmeras vantagens para o seu usuário, mas é essencial ter o controle ao utilizá-lo. Confira dicas neste artigo que te ajudarão nesse processo!

     

A categoria de cartões de crédito correspondem a uma forma de pagamento eletrônico que pode ser efetivado sem a necessidade de dinheiro em espécie ou cheque no momento da compra de um bem ou serviço, onde o detentor do cartão magnético terá um prazo para realizar o pagamento do débito, tempo que será estipulado de acordo com a empresa, instituição e/ou banco.

Devido as vantagens expressas nos cartões de crédito e pelos seus bancos, milhares de pessoas do mundo aderiram a utilização do cartão e grande parte delas estão enfrentando uma crise financeira, por causa do descontrole dos seus próprios gastos. Se você também está nessa situação, fique tranquilo e confira algumas dicas abaixo que poderão te ajudar muito a se reorganizar e ficar novamente no controle das suas contas.

» No momento da contratação do cartão de crédito, tenha em mente que ele irá servir apenas como uma forma de pagamento e não como uma complementação de renda;

» Faça uma planilha dos seus gastos fixos mensais. Faça com que suas contas comprometam apenas 30% de todo o seu dinheiro/salário;

Como controlar os gastos do cartão de crédito

Cartão de crédito na mão de um homem.
(Foto: Reprodução)

» Anote todos os gastos tidos com os cartões de crédito na planilha, para ter um controle de quanto será a sua fatura e de quanto ainda poderá gastar. É importante adicionar nesse cálculo, as taxas cobradas pela utilização do cartão;

» Não faça compras por impulsividade, apenas se for realmente necessário (a não ser que tenha dinheiro sobrando e ele não for fazer falta depois). Pense uma, duas, três e milhares de vezes antes de passar o cartão de crédito em alguma maquininha;

» Se o cartão de crédito está liberado para uso, evite ao máximo sacar dinheiro, para não gastar mais do que deve e não renda para pagar a fatura posteriormente;

» Se você utiliza muito o seu cartão, cadastre-o em programas de fidelidade. Esse processo irá disponibilizar bônus e descontos em compras e até o recebimento de prêmios;

» Em relação as compras feitas pela internet, principalmente no exterior, fique atento as taxas cobradas pelo IOF (Imposto sobre Operações Financeiras), que poderão deixar a compra mais cara e por consequência a fatura também;

» Faça um acompanhamento semanal de todos os seus gastos, para saber se está na hora de manter o controle ou não;

» NÃO caia na tentação de efetuar o pagamento mínimo da fatura, isso porque ela proporciona o juros do rotativo do cartão de crédito, que podem chegar a até 320% ao ano.

Observação

O pagamento do valor mínimo da conta, é o primeiro passo dado pelo detentor do cartão para entrada de uma possível crise financeira. Portanto, mesmo que o valor venha muito alto, pague o valor total da fatura e controle os gastos excessivos durante o próximo mês, para que a conta seguinte diminua o preço e o controle das finanças volte para as suas mãos.

Textos Relacionados:


Quer comentar ?