Fc Noticias » Novidades » Tipos de sapatilhas de Ballet

Tipos de sapatilhas de Ballet

De acordo com o formato dos pés e das normativas expostas pelas escolas de balés, veja neste artigo algumas dicas de como escolher a sapatilha correta para praticar a dança.

     

O ballet ou balé é  um dos estilos de dança mais influentes. Se originou nas cortes da Itália, no século XV, se desenvolvendo posteriormente na França, Rússia e Inglaterra, espalhando posteriormente por vários países.

Diversas escolas dessa modalidade podem ser encontradas, onde cada uma utiliza da sua própria cultura para ensinar e ministrar as aulas. Existem várias formas de manifestar uma dança de balé, podendo ela ser coreografada, acompanhada por arranjos musicais, com atuação, mímica, entre outras particularidades.

Além dos princípios básicos do balé, como disciplina, harmonia, leveza, simetria, postura ereta, uso do en dehors, movimentos circulares dos membros superiores e verticalidade corporal, existem ainda alguns acessórios essenciais para uso, como as sapatilhas, que devem ser escolhidas de acordo com o formato do pé do praticante e algumas outras características, veja!

As sapatilhas são produzidas em dois arranjos principais: de meia ponta (indicada para iniciantes) e de ponta (indicada para profissionais na área). Confira abaixo dicas de como escolher a sua:

Observação: Um importante detalhe a se destacar nesse processo, é o uso das ponteiras, que ajudam a proteger o pé.

» A terminação do pé é quem vai ditar o modelo correto de sapatilha a ser utilizada:

  • Grego: 1<2>3>4>5.
  • Egípcio: 1>2>3>4>5.
  • Quadrado: 1=2>3>4>5.
Tipos de sapatilhas de Ballet

Representação dos formatos de pés.
(Créditos da foto: http://www.alecrimdaterra.com/)

» Em relação ao peito do pé:

  • Quanto maior for o peito do pé, mais dura deverá ser a palmilha;
  • Quanto menor for o peito de pé, mais macia deverá ser a palmilha;

» O tamanho padrão da palmilha é o 3/4, mas o praticante poderá optar por modelos inteiros ou menores;

» Em relação ao peso do praticante:

  • Magro: sapatilha macia, com palmilha macia,
  • Mediano: palmilha normal ou reforçada,
  • Pesado: palmilha reforçada ou super reforçada;

» Para iniciantes, é indicado o uso de palmilhas inteiras ou 3/4, que possuam solas do mesmo tamanho e sapatilhas macias;

» Já para níveis adiantados ou profissionais, indica-se o uso de palmilhas 3/4 ou 1/2 e sapatilhas mais firmes;

Outras considerações

» Procure não ficar trocando a marca da sapatilha que utiliza, pois nem todas irão aderir as necessidades dos seus pés;

» Todas as sapatilhas deverão variar em seu grau de dureza, para atender as necessidades dos pés, peso e nível técnico do praticante;

» O uso e a conservação das sapatilhas influenciam muito na dureza da palmilha, particularidade que proporciona durabilidade para esse produto;

» Não deixe as ponteiras dentro da sapatilha e nem guarde as sapatilhas após o uso, pois fará com que sua estrutura amoleça rapidamente;

» Coloque a sapatilha no sol sempre que puder, principalmente após as aulas, para que ela fique dura por mais tempo;

» A durabilidade da sapatilha irá variar de acordo com o seu praticante  e seu modo de uso;

» Os valores desse produto costuma ser de R$ 25 à R$ 100 reais;

Textos Relacionados:


Quer comentar ?