Fc Noticias » Novidades » Como não se apegar a namorada

Como não se apegar a namorada

O Apego demasiado é um dos grandes destruidores de casais atualmente, por isso, saiba como não cair nessa armadilha e controlar seus sentimentos para construir uma relação forte e duradoura.

     

Para que um relacionamento dê certo, antes de mergulhar de cabeça na relação devemos estabelecer alguns parâmetros críticos perante nós mesmos, e um das principais ponderações  refletir sobre a discrepância que há entre amor e apego e dos reflexos desses dois termos dentro do enlace.

Amor, é claro no meu ponto de vista, é um sentimento sublime, que nós leva a querer a felicidade do outro incondicional-mente, reconhecer e aceitar as necessidades do outro, e justos formarem uma parceria somar para expandir o campo de possibilidades, sem perder a individualidade e a privacidade necessária para cada indivíduo. Já o Apego, é totalmente diferente, embora parece uma manifestação amorosa, em desmedida pode se tornar um grave problema e ruir rapidamente o sentimento reciproco do casal.

Tente amar sem apegar-se demais, dando espaço para que o outro se desenvolva também

Tente amar sem apegar-se demais, dando espaço para que o outro se desenvolva também

Quando nos apegamos demais a alguém desejamos que esta esteja sob nosso domínio, o que gera ciúmes e falta de confiança e até lesão do direito de liberdade da conjugue. Dessa forma a autonomia da pessoa é subjugada pelas vontades do outro, atrapalhando-a tanto no aspecto emocional, quanto nas demais relações sociais. Todos precisamos de independência e o apego demasiado não contribui para isso.

Contudo, se deseja construir uma relacionamento vindouro e duradouro deve sim haver uma pitada de apego, precisamos mostrar a parceira  de forma benévola a importância dela em nossa vida, portanto, se está iniciando um relacionamento não vista uma armadura, afinal, pressupõe se de uma namorada cumplicidade, afeto, carinho e não guerreamos com quem está do nosso lado, isso é contraditório.

Coloque na balança, seu amor próprio e o amor pelo outro a medida deve ficar equivalente, não deixe que o apego ou a falta dele desequilibre essa medida, para conseguir isso tenha coragem e logo no cerne do relacionamento, mostre a digníssima o seu jeito de ser, muitos problemas acontecem no decorrer do namoro por maquiarmos nossos defeitos, e evidenciar apenas nossas qualidades, todos nos temos falhas, então seja verdadeiro desde sempre.

Mostre a ela que você tem amigos e amigas  e que não se afastará deles para realizar um mima-la, segundo, não crie expectativas de mais, assim como você a garota também é passível de deslize, construa seu amor sempre com os pés na realidade. Tenha um tempo para você, realize programas com e sem a pessoa, grude de mais nunca é bom. E se por acaso o relacionamento vier a terminar, não fique chorando, comendo e remoendo, tente mudar o foco e de um tempo para você se reencontrar e encontrar uma nova pessoa, é claro sempre se divertindo com as erradas enquanto a certa não chega.

Textos Relacionados:


Quer comentar ?